Quadra 103 Sul Av. JK n.º 140 - Edif. JK Business Center Sala 1707, Plano Diretor Sul - Palmas/TO

  • (63) 3322-7900
  • (63) 98468-0882
  • (63) 98468-1026

Black Friday: 5 dicas para preparar sua empresa

Muitos consumidores aproveitam a ocasião para antecipar suas compras de Natal, e o lojista também precisa estar atento a este fator. Veja o que fazer

A temporada de descontos mais aguardada do ano se aproxima. Em 2019, a Black Friday será oficialmente comemorada no dia 29 de novembro, mas muitos lojistas oferecem condições especiais por maior período. Mais do que a queima de estoque de produtos, a data é uma grande oportunidade para que empreendedores vendam mais, divulguem suas marcas e produtos e fidelizem os clientes.

Febre nos Estados Unidos, a data chegou ao Brasil em 2010. Segundo Flávio Petry, especialista em varejo do Sebrae, “o movimento da Black Friday tem impactado o comportamento do consumidor brasileiro.

Muitos consumidores aproveitam a ocasião para antecipar suas compras de Natal, e o lojista também precisa estar atento a este fator. Para tanto, é importante se planejar para identificar quais os produtos isca que poderão ter suas margens reduzidas e como trabalhar o mix da loja para aumentar o ticket médio dos consumidores.”

Quer saber por onde começar? Confira algumas dicas para preparar a sua empresa.

1 - Como planejar sua Black Friday

Tudo começa com planejamento detalhado de como será sua participação na Black Friday. É importante definir se as vendas dos produtos ou serviços serão online, em loja física ou ambos. Como ponto de partida, pesquise os itens preferidos pelos seus clientes e defina o mix de produtos ofertado. Alinhe a campanha com seu parceiro tecnológico, esteja preparado para picos de acesso, negocie condições diferenciadas com os fornecedores e ofereça descontos que não comprometem a saúde financeira da empresa.

2 – Capriche na vitrine

A vitrine pode definir se o cliente irá entrar ou não na loja. É comprovado: uma vitrine adequada pode aumentar as vendas em até 30%. Quando um produto está exposto na entrada da loja, as pessoas tendem a achar que é uma peça mais bonita, que está na moda, aumentando a chance de venda. Monte a vitrine de acordo com o público que pretende conquistar. Valorize o produto, deixando-o em posição elevada e de destaque.

3 - Venda

Para impulsionar as vendas e conquistar clientes online, atualize seu site com as ofertas, facilite o preenchimento dos pedidos, disponibilize meios seguros de pagamento, deixe clara a política de troca e devolução, informe o estoque disponível, ofereça garantia e descreva o produto. Já na loja física, treine a equipe, separe produtos por categorias, tamanhos e preços, cuide da ambientação (temperatura, luminosidade e sonorização), facilite o acesso aos produtos e, se possível, ofereça vagas de estacionamento.

4 - Liquidação na Black Friday

Algumas dicas costumam ajudar a potencializar a queima de estoque. Expor as ofertas mais atraentes à direita funciona, pois é o primeiro lado que o consumidor bate o olho. É possível incentivar as compras por impulso deixando os produtos de menor valor em locais estratégicos (como ao lado do caixa). Monte pacotes promocionais oferecendo vários itens por um só preço e aproveite a Black Friday para coletar dados e ampliar o cadastro para envio da sua mala direta.

5 - Atendimento ao cliente

A quantidade de produtos que as pessoas adquirem está relacionada ao prazer que sentem no ato da compra, por isso conforto e bom atendimento são decisivos. O consumidor valoriza ar condicionado, preço justo, entrega em domicílio e estacionamento. É importante alinhar com os funcionários as condutas esperadas e a tática para avaliar é pedir para um amigo visitar sua loja e contar como foi a experiência. Entender as necessidades de cada cliente é um diferencial. Pesquisas de opinião também ajudam a melhorar o atendimento.